terça-feira, 26 de outubro de 2021

Trans-Europ Express, de Alain Robbe-Grillet (1966)

A bordo do famoso expresso Trans-Europ está Elias (Jean-Louis Trintignant) um traficante de drogas paranóico a caminho de Antuérpia, vindo de Paris. E em outro compartimento do trem estão os seus criadores, cineastas tendo uma reunião sobre o roteiro, do qual Elias emerge.

Segundo o diretor, a ideia era de  não colocar ordem ou uma interpretação dos acontecimentos. O resultado é um universo paralelo, de um lado Elias tentando agir como um traficante de drogas e, do outro, proceder segundo os caprichos dos seus criadores. Torna-se um replay em tempo real do processo de roteirizar e editar.

Ainda há a atriz Marie-France Pisier com seu grandes e inquisitivos olhos. Ele faz um prostituta improvável, mas será? O roteirista no filme é feito pelo próprio diretor do filme, Robbe-Grillet. Tem um bonita cinematografia em preto e branco, capturando o espírito da época. Haveria mais uns doze anos antes que o conjunto musical Kraftwerk criasse uma homenagem musical ao grande trem expresso.

Legendas em Português e Inglês.

Veja o filme no link abaixo:

https://youtu.be/cVl2WWt3BB0

Nenhum comentário:

Postar um comentário