quarta-feira, 14 de julho de 2021

Charlie Chan and the Chinese Cat (Charlie Chan e o Gato Chinês), com Sidney Toler (1944)

Sidney Toler substituiu Warner Oland como Charlie Chan após a morte dele.

Nenhum dos dois era realmente chinês. Sidney era norte-americano e Warner era sueco. Meu preferido é Warner Oland, mas Sidney Toler interpreta bem o personagem.

Nessa aventura, Thomas Manning, um empresário e especialista em xadrez é encontrado morto em um quarto, segurando algumas peças de xadrez. A polícia, sem pistas, abandona o caso. Seis meses depois, a filha da vítima, Leah Manning, chateada por causa da publicação de um livro falando mal do caso, procura a ajuda de Charlie Chan e do filho nº3 de Charlie, para investigar. Mais assassinatos acontecem, levando a uma confrontação final.

Abaixo link para o filme de 1 hora e seis minutos.

https://1drv.ms/v/s!AjMUR7SXEhT_yw1ndpbeNeGssRUw?e=nj1ogX

Nenhum comentário:

Postar um comentário