sábado, 28 de novembro de 2020

Desaparecido: Um Grande Mistério (Missing), de Costa-Gravas (1982)

Em setembro de 1973, no Chile, o jornalista americano Charles Horman (John Shea) chega em Santiago com sua amiga Terry Simon (Melanie Mayron) para se encontrar com sua esposa Beth (Sissy Spacek) e trazê-la de volta para Nova York com ele. Contudo, eles são surpreendidos pelo golpe militar no Chile contra o presidente Salvador Allende, patrocinado pelo governo americano, que não queria que a esquerda e o comunismo se espalhasse na América Latina. Charles é preso pelo força militar do país.

O pai dele, Ed Horman (Jack Lemmon), um homem de negócios conservador de Nova York, chega ao Chile para procurar, junto com Beth, o filho desaparecido. Ele vai ao consulado americano para conversar com o cônsul, que promete a ele todos os esforços para encontrar Charles, enquanto que a cética Beth não confia em nenhuma palavra das autoridades americanas. O nacionalismo e a confiança de Ed em seu governo vai mudando à medida em que ele descobre a verdade sobre o que aconteceu com seu filho.

Mais uma bela obra política do grande diretor grego-francês Costa-Gravas. Já coloquei alguns filmes dele em nosso canal no YouTube, mas este tive que postar aqui no blog.

O filme, apesar de já ter mais de 38 anos, ainda é muito atual, impressiona e conta com uma grande interpretação de Jack Lemmon. O primeiro filme de Costa-Gravas no cinema americano não poderia ser melhor, expondo as feridas escondidas sobre a participação do governo americano no golpe contra Allende.

Durante a ditadura de Pinochet, que foi de 1973 a 1990, este filme foi banido do Chile.

Os verdadeiros Ed Horman e Joyce Horman (Beth aqui no filme) trabalharam muito próximos com Costa-Gravas, Lemmon e Spacek no decorrer da produção do filme. Costa-Gravas disse que depois que Pinochet morreu, em 2006, tanto ele como Joyce Horman lamentaram que o ex-ditador chileno não tivesse sido levado à justiça.

O filme concorreu no Festival de Cannes em 1982, onde ganhou a Palma de Ouro e o prêmio de Melhor Ator para Jack Lemmon.

No elenco, ainda tem a presença de Janice Rule como Kate Newman.

A trilha sonora do filme é do grego Vangelis, que já havia ganho o Oscar de Melhor Trilha Sonora por "Carruagens de Fogo".

O filme foi indicado para quatro prêmios da Academia, incluindo o de Melhor Filme, Melhor Ator (Jack Lemmon) e Melhor Atriz (Sissy Spacek). Acabou levando o de Melhor Roteiro.

Veja abaixo o link para ver o filme:

https://1drv.ms/u/s!AsG-jsm3UF0agRZOymb47Rwblugm?e=boVexb


Nenhum comentário:

Postar um comentário