domingo, 18 de outubro de 2020

Desejos Proibidos (The Earrings of Madame De...) , de Max Ophuls (1953)

Século 19, na França. Danielle Darrieux é a "Condessa Louise De..." que, no começo do filme, vende seus brincos em formato de coração (dados pelo seu marido, o General André, interpretado por Charles Boyer), porque ela tem algumas dívidas que ela precisa pagar. Ela confia na confidencialidade do joalheiro. Durante uma apresentação de "Orfeu e Eurídice", ela avisa André que ela não sabe onde deixou os brincos. Contudo, o joalheiro conta a André sobre a venda. André compra os brincos de volta e dá à sua amante, Lola. Quando esta precisa de dinheiro para jogar no cassino, ela os vende. E são comprados pelo Barão Donati (Vittorio De Sica), como um presente para sua namorada - a Condessa Louise!

Charles Boyer (na foto com Danielle) frequentemente discutia com Max Ophuls sobre as razões do seu personagem. 

Um dia, o diretor, cheio com as implicâncias de Boyer, disse, "Chega! As razões estão de acordo com o roteiro e ponto final!". 

Boyer, depois dessa, passar a interpretar o seu personagem de acordo com as cenas escritas.

Vittorio De Sica (com Danielle na foto ao lado) era um grande fã de Ophuls e queria ter pego o papel de Jean Gabin em "O Prazer", de 1952. Ophuls, na época, disse que não e que ele acharia um papel digno para ele em outro filme. O papel do barão foi escrito com ele em mente para este filme.

Jean-Pierre Melville frequentava muitas vezes as cenas de filmagem e havia rumores de que ele dirigira algumas cenas extras, durante a cena do baile.

Max Ophuls iria dirigir o filme apenas se Danielle Darriex fizesse o papel, que havia sido escrito com ela em mente. Danielle faleceu em 2017, aos 100 anos de idade.

Os brincos de diamantes mudam de mãos dezoito vezes durante o filme. Siga a trilha: Louise>Joalheiro>André>Sua amante>Um Cassino>Uma loja>Fabrizio Donati>Louise>André>Fabrizio>Joalheiro>André>Louise>André>Sobrinha de Louise>Marido da sobrinha>Joalheiro>Louise>Uma igreja.

O filme originalmente teria um final mais longo, onde se veriam os brincos sendo passados de uma jovem freira para uma jovem mulher, se casando com um general. Isto foi intencionado para criar um novo círculo para o filme, com a jovem mulher representando a próxima Madame de... Contudo, Max Ophuls achou que isso enfraqueceria o filme, quando ele foi terminado e pessoalmente cortou essa cena do final.

O filme teve uma recepção moderada na estreia, onde alguns críticos descreveram o filme como elegante, mas desnecessariamente detalhado e ostentoso. Com os passar dos anos, os críticos reavaliaram o filme e reconheceram como um dos trabalhos mais influentes do cinema internacional  e um dos melhores filmes de Max Ophuls.

Max Ophuls deu o nome de Louise para sua protagonista em homenagem à sua amiga e autora do livro, Louise de Vilmorin.

O famoso diretor Douglas Sirk, conhecido pelos seus melodramas de sucesso, uma vez disse que esse filme era perfeito. 

Era também um dos filmes prediletos de Stanley Kubrick.

Filme consta da lista de Steven Schneider: '1001 Filmes que você deve assistir antes de morrer.'

Veja o filme aqui em alta resolução e legendado:

https://1drv.ms/v/s!AsG-jsm3UF0agQ7_3e0Qz6bjGPQ6?e=43zUl7

Nenhum comentário:

Postar um comentário