terça-feira, 7 de julho de 2020

Um Rosto na Multidão ( A Face in the Crowd) , de Elia Kazan (1957)

Filme do mestre Elia Kazan, que  não consegui publicar no
meu canal do YouTube. Um filme menos conhecido do diretor e com estória e roteiro de Budd Schulberg. A nota para o filme no IMDb é 8.2. São poucos os filmes que têm esta nota tão boa.

Com Andy Griffith como Lonesome Rhodes
Patricia Neal como Marcia Jeffries
Lee Remick como Betty Lou
Walter Matthau como Mel Miller
Anthony Franciosa como Joey DePalma
Burl Ives como ele mesmo

Andy e Kazan à direita
Elia Kazan sempre será lembrado como um dos mais importantes diretores de sua época. É um dos meus favoritos. Dificilmente se encontra um filme ruim dele. Com grandes filmes, como “Um Bonde Chamado Desejo” e “Sindicato de Ladrões”, ele estabeleceu sua posição para sempre na história do cinema. ‘Um Rosto na Multidão” é um dos seus trabalhos menos conhecidos e que fracassou nas bilheterias, quando foi lançado e foi completamente ignorado pela Academia. 

O filme abre com uma mulher, de nome Marcia Jeffries, que visita uma prisão em sua pequena cidade do estado de Arkansas. Ela está fazendo um programa de rádio, chamado “Um Rosto na Multidão”, durante o qual ela fala com pessoas comuns, transmitindo suas estórias. Na prisão, ela encontra um homem, que se intitula “Lonesome” Rhodes (ou o Solitário Rhodes) - um zé ninguém preso por bebedeira e mau comportamento. Ela o filma para o seu programa e o episódio faz grande sucesso. Marcia e seu tio, que é dono da estação de rádio local, em que passa o programa, oferece a Lonesome um emprego na rádio. Ele aceita e logo se torna uma sensação com a população local e depois no país todo.

“Um Rosto na Multidão” é o que pode ser chamado de filme além do seu tempo, e pode ser esta a razão pela qual não tenha sido bem avaliado, quando do seu lançamento. Ele lida com assuntos como a mídia, celebridades, propaganda e política. Nos dia de hoje, com a Internet e mídia atual, o filme parece mais atual do que nunca. 

Basicamente o filme é a estória de um homem corrupto que tem o dom das relações públicas e usa esse dom como meio para um fim - o fim sendo seu próprio benefício. 


Patricia Neal, Elia Kazan e Tony Franciosa
Este filme marcou o retorno da atriz Patricia Neal às telas, depois de uma ausência de quatro anos de Hollywood. Uma ausência que foi ocasionada pelo caso bastante publicado na época, em que ela teve um caso com Gary Cooper (e que era casado na época) e após um subsequente colapso mental.

O filme foi o primeiro nas carreiras de Lee Remick e Tony Franciosa.

Elia Kazan e Budd Schulberg passaram meses pesquisando o mundo da propaganda, e até tendo acesso a reuniões de agência, para poderem entender a maneira como Madison Avenue (a avenida das agências de propaganda em Nova York) aborda e forma o pensamento do público americano.

O elenco inclui três ganhadores do Oscar: Patricia Neal, Burl Ives e Walter Matthau; e quatro indicados: Anthony Franciosa, Lee Remick, Kay Medford e Rip Torn.

Em 2008, ‘Um Rosto na Multidão’ foi incorporado ao Registro de Filmes dos Estados Unidos pela Biblioteca do Congresso.

O filme pode ser visto neste link abaixo:



Nenhum comentário:

Postar um comentário